Dicas de como cuidar de seus preciosos originais e fazer backups periódicos de documentos

Olá, pessoal!

Hoje eu vou falar um pouco sobre como eu mantenho meus originais sempre salvos e com suas devidas cópias de segurança. Bem, parece uma coisa bem simples, mas várias pessoas já me perguntaram como eu administro meus documentos e os mantenho atualizados. Algumas, até me contaram histórias trágicas de como perderam seus originais e tiveram que recomeçar a escrever tudo do zero. Essa ideia para mim é insuportavelmente perturbadora, então, eu tomo muito cuidado para não perder meus arquivos kkkkk.

A primeira coisa, é a organização. Isso vale para quem escreve à mão, em máquinas de escrever (tem gente que gosta, e as máquinas são realmente um charme…) ou, para quem trabalha com o computador, como é o meu caso. Mantenha seus documentos em ordem, em pastas, com um nome de identificação claro. No caso do PC, não crie vários arquivos diferentes, use sempre o mesmo e mantenha-o atualizado.

Como eu trabalho com editor de texto de computador, e acho que é o caso da maioria, vou falar mais desse caso. Além da organização, enquanto estiver escrevendo lembre-se constantemente de salvar o documento. Computadores são imprevisíveis e podem falhar sem nenhum motivo especial, os bugs podem acontecer quando você menos esperar, então, salve, salve, salve!

Para facilitar esse processo de salvar o documento, procure conhecer os atalhos do programa que você usa. No caso do Microsoft Word, o atalho para salvar é diferente da maioria dos programas. Ao invés de CTRL + S é CTRL + B. Acreditem, conhecer os atalhos facilita bastante.

Além de salvar constantemente, é muito importante você ter uma ou mais cópias de segurança, e mantê-las sempre atualizadas. Como já dito, computadores são falhos.

Existem muitas formas de fazer o backup de seus originais. Existem as formas mais tradicionais: copiar o arquivo em pendrives, CDs, HDs externos, ou a forma mais prática e usada atualmente que é pelo armazenamento em nuvem. Muitos já deixam seus computadores conectados direto com os aplicativos de armazenamento em nuvem, e quando salvam o documento em seu PC já criam automaticamente uma cópia no seu espaço na nuvem. Outra forma eficiente, é você enviar o arquivo de seu original periodicamente para seu próprio e-mail. Dessas duas formas, tanto pelo armazenamento em nuvem como enviando por e-mail, você terá sempre uma cópia atualizada de seu documento acessível em qualquer outro aparelho. Agora, se você é como eu, e tem uma dose de paranoia sobre o total sigilo de seu original, aconselho a usar os meios tradicionais. Dá mais trabalho, é menos prático, mas a gente dorme em paz kkkkk.

Em resumo, para manter um backup atualizado de seu original, é preciso organização, atenção, e prática com os meios de armazenamento. Com o tempo, essa prática acaba ficando inerente ao seu trabalho e você já vai criando cópias no “automático”.

Espero que essas dicas tenham sido úteis e que tenham gostado. Se sim, por favor, não deixe de compartilhar e acompanhar as notícias nas Redes Sociais e aqui no site. Obrigada!